quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

O mundo animal




Nunca imaginei morando num zoologico. Nunca pensei que eu algum dia iria dizer aquela frase da Xuxa quando foi anunciar ao "mundo" sua gravidez: "agora, não estou mais sozinha". Me sinto assim, desde o acontecido de ontem, sempre em companhia de alguém ou uma criatura. O Boris tentou me dizer, me alertou, mas sempre achamos que era bobagem, mas hoje vi, o Boris tinha razão, total razão. E agora? O que será de minha vida? Minha casa anterior não tinha nada, absolutamente nada de insetos, pragas urbanas. Mas essa aqui, socorro!! De vez em quando me deparo com uma traça na parede, do corredor dos quartos. Não é no armario, onde coloco anti-traça, é na parede do corredor para os quartos. Antes de nos mudarmos fiz uma faxina daquelas, passei a vassoura em tudo. Mas as traças ainda aparecem, umas ali, outras lá, limpo e vou tirando. Outro dia comprei aquelas iscas de barata, porque sempre aparecia umas. Fui no lavabo e joguei removedor no ralo, quando vejo, sai uma barata do ralo tontinha, capota e morre, ali na minha frente. Chamo o Luiz para recolher seu cadaver, porque eu não tenho coragem. Outra saiu do ralo do banheiro do meu quarto, quando eu já ia sair do box, ela estava ali, de barriga pra cima, e ali ficou até o Luiz chegar e retira-la. Outro dia fiz um post dizendo que o Boris estava tentando mostrar alguma coisa. Há dois dias atrás deixei eles entrarem dentro de casa, porque tinha muitos trovoões e o Boris tem medo. Ele cheirou atrás dos armarios e ficou tentando se enfiar lá, mostrando que tinha alguma coisa. Eu já havia dito que essa casa que estamos morando é alugada, até construirmos a nossa. E o sujeito, dono da casa, fez os armarios da cozinha com um recuo da parede (acho que ele deve ser amigo dos ratos), e fica um corredor ali atrás perfeito para os camundongos construirem suas belas casas. Eis que ontem jantamos e eu deixei um saquinho em cima da pia, para jogar hoje. E quando levanto pela manhã o saquinho está revirado e um osso de frango pendurado em cima da pia. Olho no chão e lá estava a prova: um coco de rato. Que nojo! E penso: "Nunca mais duvidarei do faro do Boris". Agora vamos chamar uma empresa para desratizar, ai que horror! Agora preciso lavar a cozinha. E que aqui sirva de lição para todos: quando seu filho cachorro tenta te dizer algo, ouça.
Pausa para uma resposta para a minha amiga Renatinha.
Rê, eu nunca fiz acupuntura, mas marquei reumatologista para segunda e lá tem. Tinha medo daquelas agulhas, mas como estou com dores nas mãos vou recorrer a isso sim.

Um comentário:

Than disse...

Marcia....
Poxa, eu sou de SP sim.
Mas esse médico é caro? Sério, pq eu nao tenho $$$ pra isso nao!
Faço td pelo plano de saude, mas isso o plano nao cobre ne?
Entao, estou tentando ha 8 meses ja e nao sei se ja seria o caso de procurar um medico pra isso, mas eu sou TAO ansiosa, q acho q eu iria sim!
Bjos e obrigada viu!